IMG 1913

Durante cinco dias, a Capital catarinense foi palco do maior fórum de debate sobre o futuro da água e os desafios da gestão hídrica do país. Considerado um dos mais importantes eventos do segmento, o XX Encontro Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas (Encob), teve este ano temas como o uso da inovação, transparência e gestão da água.

Entre os dias 20 e 24 de agosto o Encontro recebeu representantes de 24 estados, 167 Comitês de Bacias Hidrográficas e mais de 1.300 inscritos. A abertura do evento contou com a presença do o Ministro do Meio Ambiente, Edson Duarte, que destacou a importância da atuação dos Comitês de Bacias Hidrográficas nos Estados. “Dados na ONU indicam crescimento de 1% da demanda de água no mundo por ano, enquanto nossos rios todos eles apresentam sinais muito preocupantes quanto as suas vazões, isso reforça que precisamos de uma política de gestão hídrica segura para o futuro. Temos um país com grande potencial hídrico, mas precisamos de uma gestão hídrica que passa pelos nossos Comitês de Bacias”, disse. 

Estiveram presentes também a presidente da Agência Nacional de Águas (ANA), Christianne Dias, o Governador do Conselho Mundial da Água, Lupércio Ziroldo Antônio e o Coordenador do Fórum Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas, Hideraldo Buch, além de autoridades e sociedade acadêmica. “Com relação à cultura da água, aprendemos ser um recurso ilimitado e, não é. Mas, é difícil trabalhar esta mudança de paradigma. Este encontro enaltece essa intensa
tarefa dos Comitês de Bacias de colocar em pauta a discussão sobre a gestão da água”, destacou a presidente da ANA.

O secretário-adjunto da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável, Fábio Lima, que no evento representou o governador, Eduardo Pinho Moreira, destacou que em 2002 Santa Catarina sediou pela primeira vez o evento e de lá pra cá, muita coisa avançou. “Em relação aos recursos hídricos de Santa Catarina, nestes 16 anos que se passaram
praticamente todos os Planos de Bacias foram e estão sendo executados. O Plano Estadual de Recursos Hídricos, lançado neste ano, serve como um guia de para a gestão da água de SC nos próximos 10 anos”, disse. 

O diretor de Recursos Hídricos da SDS, Bruno Beifuss, destacou que o Encob em seus  20 anos de atuação, se consolida como o principal momento de integração, discussão e participação coletiva sobre o uso da água no Brasil. “O Encontro apontou os principais desafios e oportunidades para a gestão da água e reforça o papel dos comitês de bacias hidrográficas com intuito de melhorar a execução das políticas de recursos hídricos”, salienta. 

O XX ENCOB é realizado pelo Fórum Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas Brasil em parceria com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), CASAN e Rede Brasil de Organismos de Bacias Hidrográficas. O evento conta com apoio da Agência Nacional de Águas (ANA) e o Governo Federal.