A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social – SDS, por meio da Diretoria de Assistência Social – DIAS, elaborou o Plano de Apoio Técnico aos municípios de Santa Catarina para o ano de 2022, onde contaremos com a parceria da Federação Catarinense de Municípios – FECAM e das Associações de Municípios.

          O Plano de Apoio Técnico acontecerá em duas etapas, sendo que na primeira será abordada acerca da gestão da assistência social e na segunda sobre as proteções sociais: proteção social básica e proteção social especial, de média e alta complexidade e benefícios eventuais, com previsão de 300 participantes em cada região, conforme quadro abaixo: 

 

  Macro  

  Município Pólo  

  Associações

  Quantidade de municípios  

  Apoio Técnico Gestão  

  Apoio Técnico Proteções Sociais  



1



  Maravilha

AMOSC

AMEOSC

AMERIOS

AMNOROESTE

20

19

17

8

64 municípios.



  28 e 29 de junho



  6 e 7 de julho



2



Joaçaba


AMMOC

AMAI

AMAUC

AMPLASC

AMARP

12

14

14

7

15

62 municípios




12 e 13 de julho



9 e 10 de agosto



3 e 4



Joinville


AMUNESC

AMPLANORTE

AMVALI

AMFRI

9

10

7

11

37 municípios



16 e 17 de agosto


30 e 31 de agosto



5



Rio do Sul


AMAVI

AMMVI

AMURC

28

14

5

47 municípios


13 e 14 de setembro


27 e 28 de setembro


6


Florianópolis


GRANFPOLIS


22

municípios


6 e 7 de dezembro


8 de dezembro


7


Lages


AMURES


18

municípios


4 e 5 de outubro


25 e 26 de outubro


8


Araranguá


AMUREL

AMREC

AMESC

18

12

15

45 municípios



8 e 9 de novembro


22 e 23 de novembro

 

As inscrições para o apoio técnico da gestão, são destinadas aos gestores, equipe técnica que atua na gestão, representante do Conselho Municipal de Assistência Social – CMAS, bem como os contadores responsáveis pela operacionalização do Fundo Municipal de Assistência Social – FMAS e podem ser realizadas por meio do link: undefined

O Apoio Técnico referente as proteções, são destinadas as equipes de proteção social básica, com foco no PAIF; proteção social especial de média complexidade com ênfase no PAEFI, proteção social especial de alta complexidade com foco nos serviços de acolhimento, bem como benefícios eventuais, e podem ser efetuadas por meio do link undefined

Por fim, solicita-se aos gestores municipais que se atentem as datas de suas regiões e organizem suas equipes para a efetiva participação.

Desde já agradecemos a atenção e colocamo-nos à disposição para mais informações que se fizerem necessárias.

 

Programação de Apoio Técnico – Gestão

Primeiro Dia

8h30 às 12h - Gestão do Sistema Único de Assistência Social

- Sistemas de informações;

- Comando único. 13h às 17h30min - Gestão do Sistema Único de Assistência Social - Vigilância Socioassistencial; - Controle Social.

13h às 17h30min

- Gestão do Sistema Único de Assistência Social

- Vigilância Socioassistencial; - Controle Social.

 

Segundo Dia

8h30 às 12h - Fundo Estadual da Assistência Social - FEAS

- Cofinanciamento Estadual e Federal;

- Utilização dos recursos do FEAS;

- Reprogramação de saldos;

- Prestação de contas. 13h às 17h30min

- Gestão do Trabalho no Sistema Único de Assistência Social - SUAS

- Importância da Gestão do Trabalho no SUAS;

- Núcleo de Educação Permanente;

- Capacitação Continuada.

 

 

Programação de Apoio Técnico – Proteções Sociais e Benefícios Eventuais

Primeiro Dia

8h30 às 12h – Proteção Social Básica - PAIF

- Instrumentalização Técnica e Referência;

- Contra referência

 

13h às 17h30h – Proteção Social Especial de Média Complexidade - PAEFI

- Instrumentalização Técnica e Referência;

- Contra referência

 

Segundo Dia

8h30 às 12h – Proteção Social Especial de Alta Complexidade

- Instrumentalização Técnica e Referência;

- Contra referência

 

13h às 17:30h – Benefícios Eventuais

- Benefícios Eventuais

 

 

FacebookTwitterYoutube
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com

Desenvolvimento: logo ciasc rodape | Gestão do Conteúdo: SST | Acesso restrito